Blog do Marcelo Lira

Blog do Marcelo Lira
Apenas minha OPINIÃO, todos tem o DIREITO de discordar dela, mas todos tem o DEVER de respeitá-la...

segunda-feira, 20 de março de 2017

A RUA É PÚBLICA, MAS QUEM MANDA É O SHOPPING...

Classifico como vergonhosa a "provável" relação entre o Shopping Imperial de Imperatriz-Ma e a Secretaria de Trânsito do Município.
Pois não vejo outro motivo para que as ruas no entorno desse estabelecimento comercial privado sejam todas classificadas como áreas proibidas para estacionamento.
E o pior é que os seguranças do Shopping atuam como "guardas de trânsito", quando eles vêem algum carro estacionado, informam via rádio e rápido aparece uma viatura dos agentes de trânsito.
Isso é no mínimo, imoral, se não for ilegal...
Por que um segurança de uma empresa privada se importaria com alguém que estaciona nos arredores?
Por que os agentes de trânsito respondem tão rápido aos chamados do shopping?
Em Imperatriz já basta a privatização das áreas de estacionamento no centro da cidade por parte dos lojistas que obstruem a frente de suas lojas com cones ou seus produtos para controlar quem pode ou não pode estacionar em uma área que é pública.
O Shopping citado foi muito mais além e impede que ruas de pouco fluxo no seu entorno se tornem áreas em que cidadãos comuns possam estacionar.

terça-feira, 14 de março de 2017

O SUICÍDIO E A FALTA DE ÉTICA DA MÍDIA ALTERNATIVA DE IMPERATRIZ-MA...

As redes sociais e os Blogs deram voz a muita gente que queria falar para que muitas outras pessoas as ouvissem, mas segundo Umberto Eco, "as redes sociais deram voz a imbecis".
Obviamente não posso concordar totalmente com essa frase, mas também não posso discordar totalmente.
Mas vendo a forma como suicídio de um jovem hoje foi e está sendo explorada pela mídia sensacionalista e usuários comuns de redes sociais, que nada mais querem do que "clicks", acessos, "likes" e compartilhamento, passo a dar mais razão à frase de Umberto Eco.
Entre os profissionais de jornalismo, os de verdade, há uma convenção profissional extra-oficial, uma espécie de acordo que determina: suicídios não serão noticiados.
Essa postura anti-ética é recorrente, de fato não é a primeira fez que um suicídio  é exposto de forma sensacionalista e sem preocupação com os sentimentos da família, essa postura se fortalece pelas dezenas de compartilhamentos e comentários esdrúxulos, levianos e até irresponsáveis de muitos internautas.
Creio que as mídias alternativas deveriam cumprir uma função mais nobre e voltada para o enriquecimento cultural e se tornarem espaços de debate, entretanto em muitos casos repetem a mesma postura baixa das mídias tradicionais.
Infelizmente uma parcela considerável da população da população parece ter uma espécie de "síndrome de urubu internauta", gosta de ver, fotografar, filmar e compartilhar fotos de cadáveres e quanto mais desfigurados forem esses corpos e mais sangue partes do corpo estiverem expostas, masi compartilhamentos essas fotos e vídeos tem.
Penso que deveria haver mais respeito com as famílias, mais compromisso ético, mais valorização pela vida e pelo sentimentos das pessoas...
#ApenasminhaOpinião

quarta-feira, 8 de março de 2017

8 de Março: Nada é dado, tudo é conquistado...

"NADA É DADO, TUDO É CONQUISTADO..."
Citei essa frase ontem em um momento de debate sobre o dia Internacional de Luta pelos direitos das Mulheres...
Desqualificar o movimento feminista e não associar os direitos conquistados e as melhorias sociais conquistadas com a ascensão das mulheres, é um erro grosseiro geralmente provocado por uma avaliação rasa e míope.
Como seria o nosso país ou nosso mundo sem as lutas dos movimentos feministas?
Será que as mulheres recebiam de "mão beijada" o direito a voto, teriam autorização para estudar, para sair das cozinhas e das áreas de serviço?
Muito provavelmente não...
Basta fazer uma pesquisa sobre a situação das mulheres em países que elas mal podem expressar as próprias opiniões.
Você pode até discordar de algumas ações de ativistas extremistas dos movimentos feministas, você tem todo o direito de não concordar com tudo que elas defendem, pois eu também não concordo com tudo, e assim como me expressei ontem, provavelmente nunca vou concordar 100% com algo, mas você não pode negar que sem elas, sem aquelas grandes mulheres do passado provavelmente viveríamos num mundo menos feminino, e menos igual, menos humanitário...
O dia 8 de março, na minha humilde opinião, é um dia prase comemorar, mas é muito mais um dia para se homenagear e lembrar das milhares ou milhões de mulheres que deram suas vidas pra que tivéssemos um mundo mais feminino.
Obrigado grandes guerreiras...

PENSO, LOGO EXISTO (René Descartes)...

PENSO, LOGO EXISTO (René Descartes)...

Seguem esse blog: