Blog do Marcelo Lira

Blog do Marcelo Lira
Apenas minha OPINIÃO, todos tem o DIREITO de discordar dela, mas todos tem o DEVER de respeitá-la...

sexta-feira, 15 de agosto de 2014

PROFESSOR MARCO AURÉLIO - 65111, CANDIDATO A DEPUTADO ESTADUAL, É ENTREVISTADO PELO BLOG DO MARCELO LIRA...

1. (Blog do Marcelo Lira - BML) O que te motiva na política?
(MARCO AURÉLIO - 65111) A esperança. Sou um cidadão que se indigna com as injustiças, mas não desisto de tentar. Sei que posso fazer minha parte.
Quando eu estava na faculdade, certo dia, um professor falou do seu descontentamento e disse que havia desistido, porque no que dependia das decisões políticas, nada dava certo. Ele já havia perdido a esperança e disse que iria cuidar só de sua vida. Eu falei a ele que a única esperança que eu tinha era a do senso de participação coletiva, pois não podemos esperar apenas pelos políticos, mas cada um pode e deve fazer a sua parte. A sociedade tem esperança quando cada um se dispõe a contribuir.
De forma triste, vi esse professor se isolar na vida sem amigos, distante de todos.
Eu acredito nas mudanças. Não vindas de cima pra baixo, mas a participação forçando para que elas ocorram.
2. (BML) Quais seus pontos fortes?
(MARCO AURÉLIO - 65111) Fui forjado nas ruas, vendendo pastel, geladinho, picolé, engraxando sapatos, logo depois, com 15 anos, minha vida passou a ser sala de aula. Minha vida é relacionamento. Valorizo os relacionamentos, me dedico às amizades. Gosto de gente. Fico triste quando estou em um local em que não conheço as pessoas. Esses relacionamentos têm garantido abrir portas importantes, porque tenho respeito e tenho minha maneira de resolver as coisas: com diplomacia.
3. (BML) Na sua visão, qual a importância de um Deputado Estadual?
(MARCO AURÉLIO - 65111) O deputado estadual é a ponte entre a necessidade e o governo. Ele vive, ou pelo menos deveria viver a região ou causas que  representa. Um deputado atuante, presente, com acesso, dedicado ao mandato, consegue encaminhar soluções para muitos problemas.
Outro dispositivo importante é o das emendas parlamentares. É um instrumento que fortalece sua atuação, mas que têm sido tão pouco aproveitadas por grande parte dos nossos representantes. Pouquíssimo foi destinado a Imperatriz nessa legislatura. Nada foi destinado à causa da educação, à Universidade Estadual do Maranhão, ou a projetos de ressocialização. Tenho essa preocupação.
4. (BML) Como você avalia o desempenho da atual bancada de Deputados Estaduais da região tocantina?
(MARCO AURÉLIO - 65111) Pode melhorar. Tanto em número, quanto em atuação. Precisamos viver a região com dedicação, com presença e com a destinação de emendas para as causas certas, além da fiscalização para a aplicação das mesmas.
Agora mesmo, Imperatriz perdeu mais de 10 milhões de reais pagos pela Suzano como compensação pelos impactos ambientais. Esse dinheiro deveria ser aplicado na criação de uma reserva ambiental e perdemos. Foi destinado para o Parque Estadual do Mirador, que em nada sofreu com os impactos do empreendimento. Infelizmente não houve uma defesa por parte dos nossos representantes estaduais. Como vereador fiz, porém com atribuição limitada.
5. (BML)   Em um sistema eleitoral  bilateralmente ”viciado” pelo abuso do poder econômico, quais as possibilidades de se romper com esse modelo e um candidato se tornar eleito pelas suas ideias, projetos e perspectivas de trabalho?
(MARCO AURÉLIO - 65111) Eu acredito na política limpa. Não compro pessoas, porque elas não são mercadorias. Tudo depende de como você inicia um projeto político. Começou errado, você vicia. Começou com um ideal e manteve coerência, você encontra pessoas que pensam como você. Tenho conseguido apoios importantíssimos tanto em Imperatriz como em toda a nossa região, sem negociar com nenhuma liderança. É compromisso de trabalho. E tem dado certo.
Em 2010, fui o segundo mais votado em Imperatriz para deputado estadual, com 11.203 votos só em Imperatriz. Tive a honra de ser o vereador mais votado de Imperatriz e sem mudar o modo de fazer política. Acredito que o eleitor consciente é quem decide.
6. (BML)   Como político, como você avalia a situação do Maranhão, sendo um dos estados mais pobres do Brasil em contradição com as suas riquezas naturais?
(MARCO AURÉLIO - 65111) A resposta é simples: é a falta de gestão e a concentração de poder.
O Maranhão é rico, mas não tem distribuição de renda justa.  Precisamos de uma gestão que leve as políticas públicas para quem mais precisa.
O Maranhão precisa ter uma estão com planejamento e transparência. É por isso que confio no projeto político comandado por Flávio Dino. Acredito nesse novo momento a partir da eleição de Flávio Dino.
7. (BML) Há solução para os graves problemas sociais do estado? Qual?
(MARCO AURÉLIO - 65111) Honestidade, competência e dedicação. Os indicadores sociais mostram nossa desvantagem nas mais diversas áreas: saúde, educação, segurança pública. As denúncias são recorrentes. Chegamos ao fundo do poço e precisamos de imediato parar de cavar. A partir de 1º de janeiro, tenho a convicção de Flávio Dino trará comando no sentido de sairmos do buraco e buscarmos um novo horizonte.
8. (BML)  Como vereador você foi um dos destaques na atual composição da Câmara de Imperatriz pela forma atuante que manteve junto às solicitações e lutas populares por melhorias, com destaque para a causa da educação. Isso te deixou mais forte politicamente? Quais seus projetos para a educação?
(MARCO AURÉLIO - 65111) O que tenho aprendido na experiência na câmara de vereadores de Imperatriz é que o político tem que ter independência. Sem liberdade de defender as causas do povo, ele perde sua identidade. Tenho um compromisso maior com a educação, porque ela traz a independência das pessoas, o que acho nobre.
Lutarei para melhorar a qualidade do nosso ensino médio, que não tem investimento. Em Imperatriz, por exemplo, das 10 melhores escolas no ranking do ENEM, apenas 2 são públicas. Uma é o IFMA, que é federal e  única estadual é a Escola Militar, que tem o diferencial de fazer seletivo na admissão. Precisamos avançar na qualidade do ensino porque grande parte dos nossos jovens está desistindo no ensino médio. O ensino médio tem virado um ponto de chegada, enquanto deveria ser um ponto de partida para as grandes oportunidades.
Lutarei pela melhoria do nosso ensino superior. A UEMA  Imperatriz precisa de investimentos urgente. Precisa melhorar os cursos existentes e ampliar com a instalação de novos cursos. Precisamos também criar universidades regionais. É um compromisso de Flávio Dino e que eu reforçarei, além dos cursos técnicos profissionalizantes, que precisamos ser ofertados pelo governo do estado. Nossos jovens precisam sentir a segurança da preparação para o mercado de trabalho. Educação e trabalho valorizam e dignificam o nosso povo.
9. (BML) Você foi o vereador mais votado no último pleito municipal, como você está sentido o apoio do teu eleitor na campanha para Deputado Estadual?
(MARCO AURÉLIO - 65111) Estou confiante em Deus e na nossa gente. Por onde passo, tenho recebido tanto carinho.
Tenho a compreensão que Deus está guiando nosso projeto político. O meu partido, o PCdoB, de Flávio Dino, também tem dado uma contribuição incontestável. Somos muitos que estão levando nossa proposta de representatividade. Com fé, vamos vencer e fazer um brilhante trabalho na Assembleia Legislativa.
10.  (BML) Você talvez seja o candidato com maior aceitação junto aos eleitores mais jovens. Você pretende representar os interesses da juventude maranhense na Assembleia Estadual? Como?
(MARCO AURÉLIO - 65111) A juventude é minha geração. Essa galera que está chegando agora para decidir o processo eleitoral, tenho a exata compreensão de seus anseios. Terei uma atuação que a prioriza.
A juventude que represento é a que quer vencer com oportunidades, por isso, uma atuação direcionada na busca por melhoria das condições de esporte, lazer, cultura, empregabilidade, qualificação profissional, educação, focando nessas áreas, estrei atendendo a expectativa de uma geração que tem sido esquecida pelos poderes.
11. (BML)  Como você vê a Eleição de 2014 como sendo a primeira com intensa participação das redes sociais, tanto como espaço para debates, publicidade eleitoral e denúncias? O modo de fazer política vai mudar com o povo mais informado e mais conectado?
(MARCO AURÉLIO - 65111) A comunicação pelas redes sociais é uma realidade que veio pra ficar e jamais pode ser subestimada. É a interação, a possibilidade de acesso e conexão imediata. É uma proposta conseguir se espalhar com rapidez e também sem custos.
Sou militante das redes sociais há tempos. Me dedico a interagir com meus amigos do face, do WhatsApp e outras redes. A comunicação aproxima e se não for bem utilizada, atrapalha e afasta.
As redes sociais são um presente para candidatos que não têm rejeição. Com rejeição, é complicado levar a mensagem. Apanha muito!
12.  (BML) Deixe um recado para os leitores do BLOG DO MARCELO LIRA:
(MARCO AURÉLIO - 65111) Agradeço por esta oportunidade de nessa entrevista expor um pouco de minhas ideias. Tenho a esperança de representar e representar bem o nosso povo. Peço que avaliem o perfil de cada candidato e escolham com que você se identifica.
Se você fosse um candidato, como seria sua campanha? Quais seriam suas causas? Como seria sua atuação como político?
Tenho certeza que estou preparado para ser um deputado que representa com orgulho a sua gente.
Um forte abraço a todos!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

PENSO, LOGO EXISTO (René Descartes)...

PENSO, LOGO EXISTO (René Descartes)...

Seguem esse blog: