Blog do Marcelo Lira

Blog do Marcelo Lira
Apenas minha OPINIÃO, todos tem o DIREITO de discordar dela, mas todos tem o DEVER de respeitá-la...

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

PRECONCEITO, XENOFOBIA E DESCONHECIMENTO DA HISTÓRIA DO PAÍS E DA FORMAÇÃO DO POVO BRASILEIRO...(BÔNUS MUSICAL: "NORDESTE INDEPENDENTE")


Cidadãos brasileiros, de pouca massa cefálica e desconhecedores da história do país e da formação do povo brasileiro, mais uma vez usaram das redes sociais para enviar comentários preconceituosos e xenofóbicos contra outros cidadãos brasileiros, entre eles a única diferença é a latitude do local onde nasceram ou vivem...
Desta vez o evento motivador desses absurdos foi o "apagão" que atingiu parte das regiões Norte e Nordeste, como a capa do periódico pernambucano mostra, parece que vivemos em países diferentes...
Para essas pessoas cujo o nível de inteligência não chega a se igualar ao de um invertebrado deixo minha mensagem em forma de vídeo e cantado/recitado brilhantemente pela paraibana Elba Ramalho:

NORDESTE INDEPENDENTE
Autores: Bráulio Tavares e Ivanildo Vila Nova

Já que existe no sul esse conceito
Que o nordeste é ruim, seco e ingrato
Já que existe a separação de fato
É preciso torná-la de direito
Quando um dia qualquer isso for feito
Todos dois vão lucrar imensamente
Começando uma vida diferente
De que a gente até hoje tem vivido
Imagine o Brasil ser dividido
E o nordeste ficar independente

Dividido a partir de Salvador
O nordeste seria outro país
Vigoroso, leal, rico e feliz
Sem dever a ninguém no exterior
Jangadeiro seria o senador
O cassaco de roça era o suplente
Cantador de viola o presidente
E o vaqueiro era o líder do partido
Imagine o Brasil ser dividido
E o nordeste ficar independente

Em Recife o distrito industrial
O idioma ia ser nordestinense
A bandeira de renda cearense
"Asa Branca" era o hino nacional
O folheto era o símbolo oficial
A moeda, o tostão de antigamente
Conselheiro seria o inconfidente
Lampião, o herói inesquecido
Imagine o Brasil ser dividido
E o nordeste ficar independente

O Brasil ia ter de importar
Do nordeste algodão, cana, caju
Carnaúba, laranja, babaçu
Abacaxi e o sal de cozinhar
O arroz, o agave do lugar 
O petróleo, a cebola, o aguardente
O nordeste é auto-suficiente
O seu lucro seria garantido
Imagine o Brasil ser dividido
E o nordeste ficar independente

Se isso aí se tornar realidade
E alguém do Brasil nos visitar
Nesse nosso país vai encontrar
Confiança, respeito e amizade
Tem o pão repartido na metade,
Temo prato na mesa, a cama quente
Brasileiro será irmão da gente
Vai pra lá que será bem recebido
Imagina o Brasil ser dividido
E o nordeste ficar independente

Eu não quero, com isso, que vocês
Imaginem que eu tento ser grosseiro
Pois se lembrem que o povo brasileiro
É amigo do povo português
Se um dia a separação se fez
Todos os dois se respeitam no presente
Se isso aí já deu certo antigamente
Nesse exemplo concreto e conhecido
Imagina o Brasil ser dividido
E o nordeste ficar independente

(Esse comentário abaixo da Elba Ramalho foi ao vivo,
não faz parte da letra da música):

Povo do meu Brasil
Políticos brasileiros
Não pensem que vocês nos enganam
Porque o nosso povo não é besta

http://www.vagalume.com.br/elba-ramalho/nordeste-independente.html#ixzz2AQq99u00

2 comentários:

  1. O que mais me impressiona em alguns comentários é como alguns idiotas gostam de se enganar, acreditando fielmmente que vivem em uma parte do país mais moderna e alheia aos princípais problemas do nosso povo. Quanta ingenuidade sulista, vivendo humilhados pelo crime organizado, onde nem a polícia escapa, convivendo com centenas de pessoas consumindo crack a luz do dia, se submetendo ao domínio de seus morros governados por traficantes, formando dezenas de ladrões diarimente em contribuição da política brasileira. Já contabilizaram quantos nordestinos são réus no mensalão e quantos sulistas???? Aposto que não. Viva o Nordeste!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sensacional o seu comentário Luciano. Altamente pertinente...

      Excluir

PENSO, LOGO EXISTO (René Descartes)...

PENSO, LOGO EXISTO (René Descartes)...

Seguem esse blog: