Blog do Marcelo Lira

Blog do Marcelo Lira
Apenas minha OPINIÃO, todos tem o DIREITO de discordar dela, mas todos tem o DEVER de respeitá-la...

domingo, 28 de outubro de 2012

AINDA HÁ TEMPO PARA CORRIGIR O ERRO E DEMITIR A PESSOA CERTA E READMITIR QUEM REALMENTE TEM COMPROMISSO COM A EDUCAÇÃO...



Uiliene x Zeziel: Madeira demitiu a pessoa errada


A demissão da professora Uiliene Araújo Santa Rosa, de 24 anos, pelo prefeito Sebastião Madeira demonstra claramente como pensa o prefeito. Ele não aceita críticas e persegue quem “ousa” ter opinião contrária à sua. Não é o primeiro caso.
Numa cidade civilizada com uma gestão democrática, quem seria demitido era o secretário de educação Zeziel Ribeiro, por dois motivos: primeiro porque deixou crianças assistirem aulas numa situação degradante; depois por perseguição a uma educadora que denunciou o absurdo. Mas ficou evidente que o secretário contou com o apoio do prefeito e não agiu sozinho. Matéria publicada na página maranhense do site Globo.com mostra que “ele (o secretário) afirmou, ainda, que a demissão foi comunicada ao prefeito Sebastião Madeira, que autorizou o procedimento”. Precisa dizer algo mais?
Mas tem mais: voltemos ao site: “Zeziel Ribeiro da Silva, confirmou a demissão da professora. De acordo com ele, Uiliene Araújo Santa Rosa é seletivada e seu contrato foi rescindido após a postagem da situação da escola nas redes sociais.” Traduzindo: Zeziel Silva perseguiu e demitiu uma professora que defendeu mais qualidade na educação.
Como se vê, o prefeito Madeira demitiu a pessoa errada. E deixou passar uma grande oportunidade de mostrar que tem compromisso com a qualidade dos serviços que sua gestão presta. Preferiu tentar calar uma educadora a pedir explicações ao seu secretário. Um tirano. Uma ameaça às liberdades de manifestação.
Fonte: Entreatos (LINK)

5 comentários:

  1. E ainda teve um vereador eleito na última eleição que, imbecilmente disse que o Madeira é um estadista, esse imbecil sabe o que é estadista? Demonstrou ser um baide um puxa-saco do prefeito. Um estadista não é perseguidor, e nem é vingativo. o perfil de um estadista é outro que não é o do madeira.

    ResponderExcluir
  2. A educação está doente NO BRASIL

    Alex Minoru
    Há uma campanha para jogar a culpa pela má qualidade da educação nas costas dos professores.
    A destinação de dinheiro público para os capitalistas(grupo sarney e para os bolços de alguns madeiristas , para os pela sacos só foram esmolas) significa diretamente cortes de verbas para educação, saúde, moradia, cultura, etc. Cortes naquilo que os trabalhadores conseguiram arrancar do Estado com sua luta.

    NÃO É DIFERENTE EM IMPERATRIZ.

    A PROFESSORA UILIANE TEM RAZÃO, E É UM EZEMPLO TANTO ELA COMO UMA JOVEM DE UMA REPORTAGEM DA GLOBO , ONDE A JOVEM CRIOU UM BLOG PARA MOSTRAR A SITUAÇÃO DE SUA ESCOLA E DE SEU BAIRRO.

    ISSO É UM EXEMPLO PARA OS PAIS DE ALUNO, ALUNOS E PARA A SOCIEDADE.
    PARABENS PARA AS REDES SOCIAIS , PORQUE NESSE CASO ELA ESTAR SERVINDO PARA UM BEM PARA A SOCIEDADE.

    FORA DITADURA MADEIRA E ZEZIEL(SECRETARIO DE EDUCAÇÃO.

    ResponderExcluir
  3. A SITUAÇÃO DOS ALUNOS MOSTRADO NAS IMAGENS DA PROFESSORA, É UMA AGREÇÃO À CRIANÇA PELO PODER PUBLICO.
    E ATÉ ONDE EU SEI EXISTE UM DEPARTAMENTO NA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO QUE TRATA DE VIOLÊNCIA CONTRA CRIAÇA(NO CASO AOS ALUNOS)E UM DEPARTAMENTO DE SUPERVISÃO.

    AGORA QUERO VER SE ESSES SUPERVISORES E A CORDENADORA DO DEPARTAMENTO QUE TRATA DE CASOS DE MAUS TRATO ÀS CRIANÇAS VÃO INTIMAR O PREFEITO E O SECRETARIO DE EDUCAÇÃO.

    CLARO QUE NÃO, SÃO COVARDES, AGORA APROFESSORA UILIENE É UMA HEROINA POR MOSTRAR OS MAUS TRATOS AOS ALUNOS EM HORARIO DE AULA DE BAIXO DE XUVA.

    ResponderExcluir
  4. A professora e o secretario...A César o que é de César

    O grande filosofo SÓCRATES (470 a.C – 399 a.C.), afirmou que a administração é uma habilidade pessoal separada do conhecimento técnico e da experiência.[...] pois os afazeres privados difere dos públicos somente em magnitude; em outros aspectos, são similares, mas o que mais se deve observar é que nenhum deles pode ser gerido sem homens, nem os afazeres privados são geridos por uma espécie de homem e os públicos por outra: pois aqueles que conduzem os negócios públicos não utilizam homens de natureza diferentes daqueles empregados pelos que gerem negócios privados; e os que sabem empregá-los conduzem tanto os negócios públicos quanto os privados, judiciosamente, enquanto aqueles que não sabem errarão na administração de ambos.

    O fato ocorrido com a professora Uliene Rosa, sobre a postagem da foto com as péssimas condições da escola, não deveria caracterizar uma ação de má conduta. A atitude do secretário de educação do município em demiti-la demonstra falta de habilidade política e deixa transparente uma ação de perseguição a qualquer pessoa de sua equipe que tente mostrar as coisas erradas. Neste caso, ele teria que demitir todos da escola que estão vendo a situação, principalmente a direção. Que culpa tem a professora pelo estado que se encontra a escola? É ela que administra os recursos? É ela que administra a escola? E se a escola tivesse recebido um prêmio, a professora seria a contemplada?
    Não estou aqui querendo defender ninguém, mas quando um time vai mal ou perde um campeonato quem sofre as consequências é o técnico que não soube gerir a equipe. Neste caso, pelas regras da administração cabe ao secretário de educação o ônus dos resultados positivos e negativos e não jogar a culpa em um membro de sua equipe.
    A afirmação do secretario Zesiel ao alegar que em nenhum momento a professora procurou a direção da escola ou mesmo a Secretaria de Educação para denunciar o caso, não justifica tal atitude. Ora, será que a diretora da escola não tinha conhecimento da situação? Que gestor é esse que desconhece as condições de seu ambiente de trabalho?
    O secretário alegou ainda que problemas internos não deveriam ser tratados em redes sociais e que a funcionária, efetivada há quatro meses, procedeu de forma errada. Ele afirma que não há perseguição contra a professora e que a medida administrativa também seria tomada em relação a outro funcionário que cometesse o erro.
    ( http://g1.globo.com/ma/maranhao/noticia)
    Ou seja, fica evidente que a culpa pelo estado de conservação da escola não é de responsabilidade da diretora nem tão pouco do nobre Secretário e sim dos professores. Lamentável o infeliz depoimento do secretario.

    Já que entrei no mérito da questão, vai uma sugestão para uma nova gestão na secretária de educação.
    Desde que foi empossada no dia 17 de novembro de 2010, a secretaria de Desenvolvimento Social do Município de Imperatriz, a professora Miriam de Sousa Reis, tem provado que a teoria de Sócrates é pura verdade, sua capacidade como administradora vem sendo demonstrada em seu empreendimento de ensino, tanto que foi contemplada com o prêmio Sebrae Mulher de Negócios 2008, na categoria Micro e Pequena Empresa da Região Nordeste. A professora Miriam é natural de Tuntum (MA), casada com o professor Alberto Sousa Ribeiro e mora em Imperatriz desde 1971. É licenciada em História pela Universidade Estadual do Maranhão e pós-graduada em administração escolar e supervisão pedagógica pelo Funcefet, do Rio de Janeiro.

    ResponderExcluir
  5. tem que DEMITIR ESSE SECRETARIO ZEZIEL E por alguem que realmente endenda de educação, por exemplo MIRIAN REIS DA SEDES,MOAB SESAR QUE EM POUCO TEMPO, APRESENTOU UM TRABALHO DE IMPACTO E COPETENCIA.

    ResponderExcluir

PENSO, LOGO EXISTO (René Descartes)...

PENSO, LOGO EXISTO (René Descartes)...

Seguem esse blog: