Blog do Marcelo Lira

Blog do Marcelo Lira
Apenas minha OPINIÃO, todos tem o DIREITO de discordar dela, mas todos tem o DEVER de respeitá-la...

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

ASSÉDIO MORAL E TIRO PELA CULATRA NO "SOCORRÃO" DE IMPERATRIZ...

Encontrei nesta manhã com um conhecido que trabalha no HMI (Socorrão) e como sempre repeti a pergunta mais usada em tempos de eleição: Em quem você vai votar??? Ele me disse:
- "Olha ainda não sei só sei que não vou votar no Madeira em função "daquele povo" que ele coloca lá no Socorrão, a rotina da administração no hospital é abuso de poder, assédio moral e desrespeito com os funcionários".
Então perguntei sobre a gratificação dos funcionários da saúde, se eles estavam recebendo, e ele me respondeu:
- "Olha de uns tempos pra cá estão pagando (ação eleitoreira) por causa da eleição, mas nem todo mundo recebe, embora todos estejamos trabalhando em ambiente hospitalar e sujeitos aos mesmos riscos relativos à insalubridade, apenas algumas pessoas recebem. O Madeira vai perder muitos votos por causa "desse povo" que ele coloca pra administrar, que conscientemente ou não acaba trabalhando contra quem os paga. E nesse exato momento estou indo no Sindicato de Trabalhadores da Saúde, relatar o assédio moral que venho sofrendo e o não pagamento da minha gratificação, estou levando toda a documentação para comprovar...".

NOTA DO BLOG DO MARCELO LIRA: Infelizmente a falta de critérios meritocráticos na escolha de assessores e gestores é uma forte característica do atual governo municipal, e assim como o fato relatado esse ato de irresponsabilidade e incompetência com o patrimônio público pode ser revertido contra contra o praticante...

2 comentários:

  1. Conheça e faça parte do blog “Assediados”.
    www.assediados.com
    Um espaço onde vítimas de assédio ou dano moral podem relatar suas histórias, compartilhar experiências, e buscar caminhos para tornar o ambiente de trabalho um espaço seguro, onde seres humanos sejam tratados com o respeito e a dignidade que merecem. Um espaço onde você encontrará informações atualizadas sobre Assédio Moral no trabalho.
    "Sofrimento é passageiro, desistir é para sempre"

    ResponderExcluir
  2. SOU MORADOR DO GRANDE SANTA RITA E JÁ FAZ QUASE UM MÊS OU MAIS PARA CONSEGUIR UMA CONSULTA COM O DENTISTA, E ONTEM O MEU FILHO FOI ATENDIDO PELA MANHA E QUANDO FOI A TARDE O MATERIAL QUE O MEDICO UUSOU PARA OBITAR O DENTE DO MEU FILHO JÁ HAVIA CAIDO.ISSO SÓ PRA COMEÇAR.

    JUSTIFICA O QUE ESTAMOS VENDO NA SUDE DE IMPERATRIZ, NO BLOG DO FREDERICO LUIZ.

    Em defesa do SUS - Carta aberta ao povo de Imperatriz
    As falhas no funcionamento dos serviços de saúde são vistas todos os dias em nossa cidade, desde a falta de limpeza e conservação dos Postos de Saúde (PSF) e dos Hospitais Socorrão e Socorrinho até a ausência de medicamentos básicos e materiais de uso ambulatorial, como material para curativos. Eis o quadro que temos:

    [Charge: blogdoserido.com.br]
    • Enfraquecimento da atenção básica: fechamento de laboratórios públicos, alguns equipamentos do Serviço Público foram alugados para terceiros, a exemplo do aparelho de Tomografia e Ultrasonografia, sendo que funciona dentro do Socorrão em condições inadequadas, sem oferecer conforto ou privacidade para os usuários. Falta de medicamentos básico, material de curativos, médicos do PSF, áreas descobertas pelos PSF... Etc.

    • Descontrole na média e alta complexidade: para conseguir uma consulta de Ortopedia e otorrinolaringologia tem que dormir nas filas e faltam médicos especialistas como mastologista, endocrinologista, médico de cabeça e pescoço, etc. falta de material para cirurgias ortopédicas no HMI. O município está habilitado e recebe verbas para realizar essas cirurgias, mas sempre falta material e as filas de espera ficam enormes.

    • Faltam vagas de UTI: mesmo com o aumento de leitos, não é raro que as UTIs do HMI estejam com os seus aparelhos (respiradores) quebrados por falta de manutenção eficaz e contínua.

    • População sem medicamentos: medicamentos básicos faltam nos Postos de Saúde, e o fornecimento de medicamentos de alto custo é interrompido ou atrasado muitas vezes por falhas de logística entre o Município e o Estado.

    Estas e outras denúncias são trazidas diariamente pela população de Imperatriz, afinal todos nós precisamos e usamos os serviços do SUS e eles são pagos com nossos impostos.

    Em defesa dos direitos dos trabalhadores
    Os ataques praticados diariamente pela gestão municipal ao Sindsaúde, sindicato legalmente constituído para defesa dos direitos dos trabalhadores da saúde, vem aterrorizando toda a cidade. O gestor público municipal desrespeita os direitos dos trabalhadores, atrasa o pagamento das gratificações salariais em quase 11 meses; transfere trabalhadores à revelia; persegue e ameaçam de demissão os trabalhadores que participarem das atividades do Sindsaúde; etc. Uma verdadeira cruzada antidemocrática, nunca vista antes em nossa cidade.

    [Charge: essa-vale-a-pena-ver.blogspot.com]
    Esclarecendo: a prefeitura não paga o Incentivo Hospitalar, que de acordo com a Lei Municipal 1.462/2012 deveria ser pago na ordem de 40% do salário base dos servidores lotados nos hospitais municipais, no Samu, no Caps III e nas unidades de saúde que disponham de atendimento hospitalar. Não paga a Gratificação do SUS que é um direito legítimo dos servidores da saúde e deveria ser paga com recurso repassado mensalmente pelo Ministério da Saúde e de acordo com a Lei Municipal 1.279/2008 e o Decreto Municipal 042/2009 (assinado pelo próprio Sebastião Madeira), obedece os seguintes parâmetros:
    • Profissionais do nível superior - nutricionistas, fisioterapeutas, enfermeiros, psicólogos, assistentes sociais, etc. com salário base de 1.400 reais em média, tem direito a uma gratificação de 500 reais.
    Todos estes trabalhadores encontram-se há 11 meses sem receber estas gratificações salariais e quando reivindicam e lutam por seus direitos adquiridos e denunciam a postura ameaçadora de gestão municipal, são tratados como marginais, baderneiros, agredidos fisicamente e afastados de suas funções pela atual gestão. Enquanto isso, o assédio moral e a violência psicológica têm levado vários trabalhadores a desenvolverem graves problemas de saúde.




    ResponderExcluir

PENSO, LOGO EXISTO (René Descartes)...

PENSO, LOGO EXISTO (René Descartes)...

Seguem esse blog: