Blog do Marcelo Lira

Blog do Marcelo Lira
Apenas minha OPINIÃO, todos tem o DIREITO de discordar dela, mas todos tem o DEVER de respeitá-la...

sábado, 26 de fevereiro de 2011

VIOLÊNCIA NO MARANHÃO...

Segundo pesquisa do Instituto Sangari e Ministério da Justiça (24/2/2011), que traçou o mapa da violência no Brasil, o estado do Maranhão subiu 6 (seis) posições no ranking do número de homicídios por grupo de 100 mil habitantes, em 1998 ocupava a 27ª posição com 5 homicídios para cada 100 mil maranhenses e após 10 anos teve um crescimento de 297%, passando para 21ª posição com 19,7 homicídios.Índice de crescimento quase 17 vezes maior que o nacional, que foi de 17,8%.
Esses números revelam a triste realidade do estado miserável sugado por seus governantes há décadas.
A escalada da violência é consequência da educação precária e a falta de oportunidades de empregos para os nossos jovens na maior parte do estado, sendo eles mesmos, os jovens, as maiores vítimas da violência, o mesmo estudo mostra que no Maranhão o número de assassinatos de pessoas entre 15 e 24 anos cresceu 406,2%.
De um modo geral a pesquisa revela que todos os estados da região nordeste, exceto Pernambuco, tiveram acentuado crescimento dos seus índices de homicídios, todos dobraram suas taxas. Sendo esta região a que deu a maior vitória à Presidenta Dilma, espero que ela tenha o mínimo de gratidão e retribua com investimentos para reduzir esses números.
Voltando a falar do Maranhão e ressaltando que esses números correspondem ao período entre 1998 a 2008, a realidade pode estar ainda pior, pois a condição de abandono em que se encontra o estado pode ter agravado esses números, fazendo com que estejamos provavelmente entre os 20 primeiros colocados, no mínimo.
Pouco adianta comprar super-helicópteros policiais para sobrevoar um povo miserável largado a própria sorte que não tem saúde, educação, emprego nem cultura e ainda vê seus políticos roubarem milhões dos cofres públicos e com esse mesmo dinheiro roubado pagar bons advogados para que fiquem soltos e continuarem a roubar e fomentar a miséria maranhense.

domingo, 20 de fevereiro de 2011

PARABÉNS RILDO AMARAL

Fico altamente satisfeito, como cidadão, em ver o comportamento do vereador Rildo Amaral, meu colega de time (SESI-91) e de sala de aula (ERB - 92).
Diante da atual composição da câmara municipal, em que muitos primam pelo sensacionalismo televisivo ou a barganha típica da politicagem, ver um jovem político atuar como ele está atuando é um sinal positivo de que renovar e melhorar é possível.
Confesso que discordei e discordo de algumas de suas alianças políticas, mas estou exercendo o meu direito democrático assim como ele também está.
Mas o ponto crucial de seu mandato é a forma proativa de suas atuações.
Defendo o direito de cada cidadão posicionasse politicamente da forma como mais lhe é conveniente, ideologicamente ou politicamente, mas abomino aqueles que aproveita-se de situações privilegiadas, políticas ou não, pra se beneficiar através do sensacionalismo politiqueiro e abomino mais ainda políticos que só se fazem percebidos antes da eleição e no seu último ano de mandato.
Parabéns RILDO AMARAL, seja diferente, fuja da mesmisse da política maranhense tradicional, mostre trabalho durante os quatro anos de mandato que seus eleitores lhe proporcionaram e eles lhe prestigiaram no próximo pleito, pois saberão que estão votando em um legítimo representante de seus anseios...
A democracia nos dá o direito de discordarmos daquilo ou daqueles que não compartilhamdas mesmas idéias que nós, mas o bom senso e a coerência nos obrigam a reconhecer grandes atitudes e grandes pessoas...

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

CONCURSOS FEDERAIS EM 2011, ADEUS...E O POVÃO MAIS UMA VEZ PAGA A CONTA...

Com o intuito de conter um provável avanço dos índices inflacionários, o governo federal anuncia um corte de gastos que pode atingir R$ 50.000.000.000,00. Tal anuncio foi feito sem a realização de estudos e levantamentos de dados específicos, e indica como uma das ações para atingir esta meta, a suspensão de todos os concursos públicos federais e nomeações de aprovados em concursos anteriores em 2011.
Como se o endividamento do Estado se originasse desse tipo de atividade, os concursos públicos e consequentemente os "concurseiros", ao contrário, são uma realidade na moderna sociedade brasileira, que geram emprego renda e difundem conhecimento e informação. Segmento que considero deveras importante diante do momento de distorção de valores que a mídia impõe e as pessoas de baixa moral e intelectualidade assimilam sem questionar.
Será que os milhões, e por que não dizer, bilhões de reais gastos pelo governo ano passado foram destinados a otimização da máquina pública através da realização de concursos para preenchimento de vagas com mentes pensantes capazes de a médio e longo prazo mudarem a realidade do serviço público e assim possibilitarem o crescimento sustentável do país? Ou todo esse dinheiro foi gasto com politicagem da píor espécie, como a que vemos todos os dias nos bons jornais?
Acredito que frustar as expectativas de milhões de brasileiros em crescer profissionalmente é uma forma equivocada e pouco inteligente de cortar gastos, até porque, como foi dito anteriormente e facilmente pode ser lido em diversos veículos de comunicação, não há pesquisas que apontem indicadores de relevância quantitativa e qualitativa para essa medida.
Muitos, "concurseiros", professores e proprietários de cursinhos preparatórios, que votaram neste governo, para manter o Brasil nos trilhos do desenvolvimento, devem estar sentindo-se traídos.
Por que não cortar o aumento que os parlamentares deram a eles mesmos?
Por que não cortar as altíssimas e indecentes aposentadorias que alguns políticos recebem?
Por que não enxugar a máquina pública nepotista, cheia de parentes e afilhados políticos que em nada contribuem e incham as folhas de pagamento?
Por que não cortar as mordomias dos políticos nas escalas federais, estaduais e municipais?
Por que não realizar processos licitatórios limpos que possibilitem aos governos comprar melhor e melhor servir ao povo?
Por que...?
Mais uma vez poucos erram e muitos pagam,,,
E por que não dizer:
UNS POUCOS GASTAM BILHÕES, E MILHÕES PAGAM COM SEU FUTURO...

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

O Lobão é o Reitor da UEMA ????

Diante da sequência de falhas no sistema de transmissão de energia elétrica, que recentemente aconteceram em regiões distintas do país.
Retrato da incompetência de um político sarneysta que ocupa o cargo que deveria ser de um engenheiro.
Imaginei que o Lobão estaria acumulando o cargo de ministro de minas e energia com o de reitor da UEMA, pois onde o lobo mau está, o povo fica na escuridão.
Mas na verdade o que aconteceu no campus é o retrato do descaso do sarneysmo com a educação. POIS A IGNORÂNCIA LEVA AO SARNEYSMO...

sábado, 5 de fevereiro de 2011

DIGA-ME COM QUEM TU ANDAS QUE TE DIREI QUEM TU ÉS...

Na primeira foto o Prefeito FORAGIDO de Barra do Corda, Manoel Mariano de Sousa (PV) vulgo NENZIN da PF, e a nada excelentíssima governadora Rosengana Sarney. E na segunda foto é possível ver os mesmos figurões da tradicional política maranhense devidamente acompanhados do deputado estadual Carlos Milhomem (DEM), dos secretários do pobre município cordino Pedro Teles e Francisca Teles e dos vereadores Nilda Barbalho, Fátima Arruda e Canavieira. No escândalo do Amapá, ninguém investigou as ligações dos envolvidos com os Honoráveis Bandidos, mas e agora em Barra do Corda, onde mas uma vez aliados dos bigodudos aparecem envolvidos em roubo de milhões dos cofres públicos.
Particularmente acho que não vai dar em nada, pois como citou Palmério Dória: "...a pior coisa do Maranhão é a famiglia Sarney (para o estado e seu povo) e a melhor coisa do Maranhão é fazer parte da famiglia Sarney (para os envolvidos em escândalos como o de Barra do Corda, que terão toda complacência do judiciário a sua inteira disposição)..."

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

O Egito e o Maranhão...

Ver na televisão egípcios saírem às ruas para manifestar apoio e defender o ditador que há décadas afunda a terra dos faraós nas areias, não do saara, mas da miséria e do atraso, me fez lembrar as manifestações dos amigos de Rosengana em Imperatriz, uma multidão formada por cabos eleitorais pagos, puxa-sacos com algum interesse, funcionários das empresas do grupo e pessoas de outras cidades devidamente transportadas e "orientadas".
A estratégia dos bigodudos não deu certo na "terra do frei", cheia de pessoas inteligentes e bem informadas.
As semelhanças não são mera coincidência. Que Deus salve o Egito e o Maranhão ...

PENSO, LOGO EXISTO (René Descartes)...

PENSO, LOGO EXISTO (René Descartes)...

Seguem esse blog: